quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

PALAVRA DE VIDA - CULTO DIA 08 DE JANEIRO 2014

O que é Seita?

Seita é um termo que deriva do latim "secta" cujo significado é seguidor. O termo é utilizado para designar um grupo numeroso de uma determinada corrente religiosa, filosófica ou política que se destaca da doutrina principal. Sectário é um termo que designa o indivíduo que faz parte de uma seita.

Uma seita pode também ser considerada uma "divisão", "partido" ou "facção".
Informalmente, o termo pode ser utilizado para definir qualquer grupo organizado de pessoas que defendam as mesmas ideias ou tenham causas em comum.
A palavra seita vem da mesma palavra grega que a palavra heresia. Essa palavra é háiresis, que em grego significa escolha, tomar partido, corrente de pensamento, escola, e outros. Quando a palavra háiresis passou para latim, transformou-se em secta.

Em muitos casos, a palavra "seita" serve para descrever uma divisão ocorrida no cristianismo. No entanto, como seita designa um conjunto de seguidores, pode ser que existam boas doutrinas e cristãos genuínos, porque o conceito de seita é ambíguo. Aquilo que hoje é considerado como seita, amanhã pode ser considerada como a corrente religiosa principal, e vice-versa.

Para muitas pessoas o termo seita tem um sentido pejorativo, graças ao fanatismo de algumas pessoas. Por exemplo, em Março de 1997, 39 seguidores de uma seita chamada Heaven's Gate (Portão do Céu), cometeram suicídio em massa porque acreditavam que desta forma se libertariam dos seus recipientes humanos e patiriam para uma viagem numa nave espacial.

São esses tipos de exemplos e que dão o sentido negativo à palavra seita. Por esse motivo, alguns líderes religiosos afirmam que uma seita é uma distorção religiosa que apresenta doutrinas falsas.
Em Atos 24.5 os seguidores de Cristo foram chamados de seita pelos religiosos da época.
Existem muitos aspectos comuns entre as seitas que têm se disseminado pelo mundo. É importante que nós saibamos reconhecer suas características, a fim de que não sejamos enganados ou até mesmo desviados da verdadeira fé cristã.




Pontos de crença de uma seita

  1. As seitas subestimam o valor do Senhor Jesus ou colocam-no numa posição secundária, tirando-lhe a divindade e os atributos divinos como consequência.
  2. Creem apenas em determinadas partes da Bíblia e admitem como "inspirados" escritos de seus fundadores ou de pessoas que repartem com eles boa parte daquilo que creem;
  3. Dizem serem os únicos certos;
  4. Usam de falsa interpretação das escrituras;
  5. Ensinam o homem a desenvolver sua própria salvação, muitas vezes, sob um conceito totalmente naturalista;
  6. Costumam buscar suas presas em outras religiões, conseguindo desencaminhar para o seu meio, inclusive muitos bons cristãos.

Algumas passagens bíblicas também se referem a seitas com sentido pejorativo:
“Levantando-se o sumo sacerdote e todos os que estavam com ele (isto é, a seita dos saduceus), encheram-se de inveja,” Atos 5.17.
“Mas alguns da seita dos fariseus, que tinham crido, levantaram-se dizendo que era necessário circuncidá-los e mandar-lhes observar a lei de Moisés.” Atos 15.5.
“No entanto bem quiséramos ouvir de ti o que pensas; porque, quanto a esta seita, notório nos é que em toda parte é impugnada.” Atos 28.22.
No sentido ruim do termo, seita é todo o movimento que não aceita toda a Bíblia (e suas principais doutrinas, mencionadas acima) como regra de fé e não aceita a Jesus como Salvador e Deus.


Algumas características de uma seita.


1. Substitui a Jesus por um líder humano ou nega a divindade ou trindade Dele;
2. Substitui a Bíblia pelas tradições humanas ou por crenças consideradas heresias na Bíblia;
3. Usa da coerção para fazer com que seus seguidores sigam suas opiniões, bloqueando assim liberdade de escolha destes.
    
Conclusão

Concluo que seita, no que diz respeito à igreja refere-se a uma comunidade religiosa fechada, que não usa princípios bíblicos corretos e sim estabelece suas próprias doutrinas heréticas de interpretação errôneas, ou seja, distorcem às sagradas escrituras.
Temos que ter cuidado para não acreditar em tudo que nos é apresentado. Devemos procurar sempre analisar uma doutrina com muito cuidado e profundidade devemos com sinceridade e humildade, atentar para o que a palavra de Deus nos adverte:
Colossenses 2.4, 8, 23.
“Digo isto, para que ninguém vos engane com palavras persuasivas.”
“Tendo cuidado para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo”
“As quais têm, na verdade, alguma aparência de sabedoria em culto voluntário, humildade fingida, e severidade para com o corpo, mas não têm valor algum no combate contra a satisfação da carne.”
Mateus 7.15.
“Guardai-vos dos falsos profetas, que vêm a vós disfarçados em ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores.”
II Pedro 3.16-17.
“Como faz também em todas as suas epístolas, nelas falando acerca destas coisas, mas quais há pontos difíceis de entender, que os indoutos e inconstantes torcem, como o fazem também com as outras Escrituras, para sua própria perdição”.
Vós, portanto, amados, sabendo isto de antemão, guardai-vos de que pelo engano dos homens perversos sejais juntamente arrebatados, e descaiais da vossa firmeza”

É importante resaltar que para se acusar uma igreja de ser uma seita herética é preciso provar a luz da bíblia. Nunca podemos afirmar nada a respeito de NENHUMA denominação sem conhecê-la de forma profunda. Devemos saber se o que é efetivamente pregado e ensinado dentro de uma igreja corresponde realmente a uma prática errada segundo as escrituras.

Um comentário:

  1. Will that mean an all-you-can-eat buffet of PS3 games for a monthly fee, or will it be limited to a handful of titles each month a la PlayStation Plus?
    buy rs gold

    ResponderExcluir

AS DUAS ÁRVORES

Texto de referência: Jo. 15.1-22. Introdução: A natureza, e tudo que existe em sua volta, são constantemente apresentadas e co...