quarta-feira, 27 de julho de 2016

AS SETE CARTAS PARTE III


PÉRGAMO E TIATIRA.
PARTE III
TEXTO DE REFERÊNCIA: Ap.2.12-29
Introdução:
                 Como já estudado, os destinatários ilustres mais conhecidos com o recebimento das sete Igrejas da Ásia, eram as congregações mais importantes desta região no início do cristianismo. Para compreendermos de forma detalhada o que cada igreja representou e representa para a história da igreja, estudaremos cada uma de forma individual.
              Hoje conheceremos as igrejas de Pérgamo e Tiatira de forma ampla e clara.

  1. Pérgamo. A igreja que precisava se arrepender. Ap.2.16.
              A CIDADE – Ficava situada a beira do rio Caicos, a cidade era famosa não somente pela biblioteca de duzentos mil volumes, mas também pelo magnífico templo ao deus Esculápio, a quem se atribuía a cura de doentes e a ressurreição dos mortos.

               Do nome da cidade vem o termo “pergaminho”. Esta cidade era um lugar de imoralidade, mais de que qualquer outra cidade de então. O Senhor mandou dizer a igreja desta cidade: “eu sei onde habitas que é onde está o trono de Satanás”. Pérgamo, a igreja mundana. Hoje em dia localiza-se na região norte e oeste da moderna cidade de Bergama, na Turquia.
Atributos positivos:

  • Sei as tuas obras
  • Reténs o Meu Nome
  • Não negaste a minha fé
  • Antipas minha fiel testemunha foi morto entre vós
Advertência:
  • Tens lá os que seguem a doutrina de Balaão.

  • Tens os que seguem a doutrina dos nicolaítas.
Consequências:
  • Virei contra ti e batalharei com espada da minha boca.
O que fazer:
  • Arrepende-te – Este mesmo conselho consta em outras cartas do Senhor às igrejas.

Recompensa:
  • O maná escondido: Aqueles que recusassem qualquer participação na mesa dos demônios seriam sustentados pelo maná de Deus. Jesus é o maná dado pelo Pai Jo. 6.31-65. Ele sustenta os fiéis e lhes dá vida. A mensagem de Jesus continua oculta para os sábios deste mundo. I Co. 2.6-10.

  • Uma pedrinha branca com um nome novo escrito: Um nome novo, frequentemente, sugeria uma nova direção na vida, especialmente de uma pessoa abençoada por Deus (exemplos: Abrão > Abraão; Sarai > Sara; Jacó > Israel). Em Is. 62.2-4, Desamparada e Desolada recebem nomes novos: Minha delícia e Desposada, mostrando a bênção de estar com Deus Ap.3.12.

  • A pedrinha branca pode incluir vários significados, conforme os costumes da época. Pedras brancas foram usadas para indicar a inocência de pessoas acusadas de crimes; Jesus inocenta os seus seguidores fiéis. Pedras brancas foram dadas a escravos libertados para mostrar sua cidadania; os fiéis não são mais escravos do pecado, pois se tornaram cidadãos da pátria celestial Fp. 3.20.

  1. Tiatira. A igreja que tinha uma falsa profetisa Ap. 2.20.
         A CIDADE – A rica cidade de Tiatira era conhecida como um centro comercial fazia também fronteira com a cidade de Lídia, a qual, talvez tratando do seu ofício de vender púrpura At.16.14, ouviu a pregação do apóstolo Paulo e foi salva. Não sabemos se foi ela quem levou o evangelho a Tiatira; o certo é que o Evangelho chegou até lá, e que havia uma próspera igreja na cidade, atualmente a cidade de Tiatira é conhecida pela cidade turca de Akhisar.

Atributos positivos:

  • Conheço a tua caridade (amor)
  • Serviço, fé e paciência.
  • Tuas últimas obras são mais que as primeiras.

Advertências:
  • Toleras Jezabel, mulher que se diz profetiza ensinar e enganar os meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria.
  • Dei-lhe tempo para que se arrependesse e não se arrependeu.

Consequências:
·           Eis que a porei numa cama, e sobre os que adulteram com ela virá grande tribulação. Ferirei de morte os seus filhos

Recompensa:
·           Autoridade sobre as nações: Os cristãos perseguidos foram vítimas da maldade dos homens poderosos deste mundo, até do poder do governo. Mas os vencedores dominariam sobre as nações com o poder do Ungido de Deus Sl. 2.8-9. Jesus daria aos fiéis o privilégio de participar deste vitorioso reino messiânico Rm. 5.17; Ef. 2.6.

·                A estrela da manhã: Jesus é a estrela da manhã Ap.22.16; II Pe. 1.19. Qual maior recompensa para o vencedor do que chegar ao eterno dia iluminado para sempre pela luz de Jesus?

4 comentários:

  1. Palavra maravilhosa e edificante aos nossos corações! Parabéns Amigo precisamos falar sobre o que está preparado para os Fiéis!

    ResponderExcluir
  2. Palavra maravilhosa e edificante aos nossos corações! Parabéns Amigo precisamos falar sobre o que está preparado para os Fiéis!

    ResponderExcluir

AS DUAS ÁRVORES

Texto de referência: Jo. 15.1-22. Introdução: A natureza, e tudo que existe em sua volta, são constantemente apresentadas e co...